• Raphael Uba de Faria

Jane Addams



Assistente social, socióloga, pacifista, ativista, feminista e escritrora, Jane Addams foi a   segunda mulher laureada com o Prêmio Nobel da Paz, em 1931. Ela nasceu no Illinois, em 1860 e, desde jovem, destacou-se nas lutas sociais e pelos direitos das mulheres.

Ao lado de Ellen Gates Starr, fundou, em 1889, uma casa de abrigo e atividades sociais, artísticas e educativas, a Hull House, oferecendo creche, agência de empregos, biblioteca, galeria de arte, dentre outros, à população carente. Estudos, pesquisas e debates nas áreas de economia doméstica, saúde e assistência social também eram comuns no espaço, frequentado por muitos acadêmicos e políticos. Outro ponto fundamental era o acolhimento a imigrantes recém-chegados ao país, área em que a instituição rapidamente se tornou referência.

Para além da Hull House e de outras questões sociais, Jane Addams foi uma grande defensora da paz, integrando a Liga Anti-Imperialista Norte-Americana e posicionando-se contrariamente à anexação das Filipinas pelos Estados Unidos, na virada do século XIX para o XX.

Durante a Primeira Guerra Mundial, lutou (sem sucesso) pela manutenção da neutralidade de seu país no conflito e presidiu a organização norte-americana Women's Peace Party e o Congresso Internacional de Mulheres, reunido em Haia, em 1915. Após o término do conflito, tornou-se presidente da Liga Internacional das Mulheres pela Paz e Liberdade, cargo que ocupou até 1929.

3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Zico